Em 20 anos, China enviou mais de 2.600 policiais para missões de paz da ONU

Atualmente, há mais de 30 oficiais em operações de paz em outros países

O porta-voz do Ministério da Segurança Pública da China, Li Guozhong, afirmou na última semana que a polícia chinesa mandou mais de 2.600 agentes para ações de manutenção da paz da Organização das Nações Unidas (ONU) nos últimos 20 anos.

Li informou, em coletiva de imprensa, que oito policiais morreram durante as missões e que, atualmente, há mais de 30 oficiais chineses trabalhando para a manutenção da paz no Sudão do Sul, Chipre e Darfur, no Sudão.

Além das operações em regiões críticas, os agentes também atuaram na sede da ONU. 

O porta-voz ainda disse que a China realizou programas de treinamento para mil policiais de países estrangeiros.

O ano passado marcou o 20º aniversário desde que as forças policiais chinesas participaram de operações pela paz da ONU.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.