Diplomata chinês diz que ideologias não devem afetar coexistência pacífica entre China e EUA

Comentários do cônsul-geral em Los Angeles foram apresentados em seminário do Conselho do Pacífico

Diferentes sistemas sociais e ideologias não devem impedir a coexistência pacífica entre a China e os Estados Unidos, disse o cônsul-geral chinês em Los Angeles, acrescentando que os dois países podem cooperar em muitas tarefas urgentes.

Zhang fez os comentários na terça-feira em um seminário organizado pelo Conselho do Pacífico sobre Política Internacional, de acordo com um comunicado do Consulado-Geral da China em Los Angeles.

Mesmo observando as interações positivas entre a China e os Estados Unidos desde que a administração Biden tomou posse, Zhang disse que as relações continuam difíceis e tensas em algumas áreas em virtude de o lado americano ter tomado uma série de ações negativas recentemente.

O diplomata chinês destacou a importância do diálogo e da cooperação entre as duas maiores economias do mundo, citando três tarefas urgentes que devem cooperar: o combate à pandemia da Covid-19, o enfrentamento da mudança climática e a promoção da recuperação econômica mundial.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.