Diferença salarial entre gêneros diminui na China

Salário médio dos homens chineses ainda é 22,5% maior do que o das mulheres

As mulheres chinesas ainda estão ganhando salários mais baixos do que os homens, mas a diferença salarial entre os sexos está diminuindo à medida que mais mulheres estão ocupando mais postos de gestão. É esse o resultado de uma pesquisa realizada no ano passado pelo Zhipin.com, um site de recrutamento da China.

Em 2019, o salário médio dos homens chineses nas áreas urbanas foi 22,5% maior que o das mulheres, ante os 27,7% de um ano atrás. Trata-se da primeira redução em três anos, como aponta o relatório.

Além disso, 2019 registrou um aumento anual de 0,4 ponto percentual em cargos de nível executivo ocupados por mulheres, chegando a 25,4% a porcentagem de chinesas nesses postos.

A pesquisa constata que a educação desempenha um papel significativamente positivo no nível salarial das mulheres. Para cada ano extra de educação, as mulheres na China recebem um aumento médio de 5,1% nos salários, 0,5 ponto percentual acima dos homens.

As funcionárias representavam 43,7% do total dos empregados em 2018, um aumento de 0,2 ponto percentual em relação ao ano anterior. Enquanto isso, as mulheres representavam 49,6% dos estudantes de pós-graduação e 52,5% dos estudantes universitários em tempo integral.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.