Descobertas nas ruínas de Sanxingdui surpreendem arqueólogos

Foram encontradas requintadas peças de bronze, ouro e jade

Créditos: Xinhua/Wang Xi

Arqueólogos fizeram descobertas impressionantes no famoso local das Ruínas de Sanxingdui, na Província de Sichuan, sudoeste da China.

Requintadas peças de bronze, ouro e jade foram desenterradas pela primeira vez na história da civilização humana, durante escavações no local.

Uma equipe conjunta de arqueólogos do Instituto de Pesquisa de Relíquias Culturais e Arqueologia da Província de Sichuan, Universidade de Pequim, Universidade de Sichuan e outras instituições de pesquisa realiza a escavação em seis poços de sacrifício no local desde 2020.

As novas descobertas foram principalmente escavadas nos poços de sacrifício nº 7 e nº 8, elevando o número total de itens descobertos nos seis poços em Sanxingdui para quase 13 mil, de acordo com o Instituto de Pesquisa de Relíquias Culturais e Arqueologia da Província de Sichuan.

Uma caixa de bronze com uma peça de jade verde dentro, que foi descoberta no poço nº 7, é um destaque entre os artefatos recém-encontrados. A parte superior e inferior da peça são cobertas com tampas reticuladas em forma de tartaruga, e os lados da caixa são adornados com uma dobradiça de bronze, alças em forma de cabeça de dragão e algumas serpentinas. A análise de microtraços revelou que a caixa estava envolta em seda, de acordo com os arqueólogos.

“Não seria exagero dizer que a peça é única, dada a sua forma distinta, artesanato fino e design engenhoso. Embora não saibamos para que essa embarcação foi usada, podemos supor que os povos antigos a estimavam, ” disse Li Haichao, professor da Universidade de Sichuan que está encarregado da escavação no poço nº 7.

Créditos: Xinhua/Tang Wenhao

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.