Demagogia só causará interferência na cooperação contra COVID-19, diz porta-voz

Ministério das Relações Exteriores da China se pronuncia após divulgação de notícias falsas na imprensa norte-americana

Suprimentos médicos doados à Itália pela cidade de Lishui, localizada no leste da China.

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Zhao Lijian, declarou em entrevista de imprensa que “qualquer demagogia fabricada sem qualquer fundamento só interferirá na cooperação contra a COVID-19, o que é desumano e imoral”.

Zhao se referia às reportagens publicadas pela versão norte-americana da revista Spectator, alegando que a Itália doou equipamentos para a China e a China agora quer que a Itália os compre, o que provou ser uma notícia falsa após uma investigação por jornalistas italianos.

Observando que a China e a Itália são nações amigas e importantes parceiros de cooperação, o porta-voz disse que o lado italiano estendeu seu apoio à China de diversas formas, quando a luta da China contra a COVID-19 entrou em um estágio difícil.

Segundo ele, além da assistência do governo chinês, províncias, cidades, empresas e indivíduos chineses também forneceram à Itália um grande número de máscaras, roupas de proteção, respiradores e kits de teste e outros suprimentos urgentemente necessários.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.