Cresce número de trens de carga que fazem caminho China-Europa

De acordo com dados da Passagem de Alataw, houve um aumento de 32,4% nos primeiros sete meses de 2018 em relação ao mesmo período em 2017

De janeiro a julho de 2018 houve um crescimento no número de trens de carga China-Europa que transitaram pela Passagem de Alataw, e também do volume de frete deles, de acordo com as autoridades locais. O escritório administrativo da passagem afirmou que durante os primeiros sete meses do ano  mais de 1.320 trens de carga que iam do país asiático para a Europa, e que transportavam 577,6 mil ton de bens, passaram pelo posto localizado na Região Autônoma Uigur de Xinjiang, o que significa um aumento de 32,4% em relação ao ano anterior.

Localizado na fronteira da China com o Cazaquistão, o posto se tornou um centro de transporte bastante movimentado desde o início da Iniciativa Cinturão e Rota, sendo que quase 70% dos trens de carga do país passam por ele todos os anos. A alfândega do local afirmou que mais de 6 mil trens de carga passaram pela Passagem de Alataw desde 2011.

Li Hongfeng, que trabalha no local, disse que o tempo médio de espera dos trens nessa passagem foi reduzido de 24 horas para 15 horas. No total, 10 diferentes rotas de trem China-Europa passam por Alataw, passando por 36 cidades e 13 países europeus.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.