Cresce indústria de navegação e posicionamento por satélite na China

Relatório revela aumento médio anual de mais de 20% na última década

Um relatório do Escritório de Navegação por Satélite da China apontou que o setor teve valor de produção de 345 bilhões de yuans em 2019, equivalente a US$52,8 bilhões. Neste ano, o número deve chegar a 400 bilhões de yuans.

O documento também mostra que, na última década, a indústria cresceu a uma taxa média de mais de 20% por ano.

O aumento foi apontado no estudo sobre a construção e desenvolvimento do Sistema de Satélites de Navegação BeiDou (BDS), que deve permitir a independência do país em relação ao Sistema de Posicionamento Global (GPS).

A China comissionou o BDS em julho, abrindo a tecnologia BDS-3 para usuários globais. Além de posicionamento, navegação e cronometragem, a engenharia oferece serviços como assistência à busca e resgate, mensagens curtas, aumento da precisão do posicionamento baseado em terra, entre outros.

O BDS já foi usado para transporte, segurança pública, socorro em desastres, agricultura, silvicultura e governança urbana.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.