CoronaVac reduz mortalidade por Covid-19 em até 97%, segundo pesquisa do Uruguai

Internações em UTI diminuíram mais de 95%, após a segunda dose da vacina

As mortes relacionadas à Covid-19 entre adultos uruguaios de 18 a 70 anos que tinham sido completamente imunizados com as vacinas CoronaVac, da farmacêutica chinesa Sinovac, caíram em 97% por 14 dias, segundo um relatório preliminar.

Internações em unidades de terapia intensiva (UTI) após a imunização com vacinas CoronaVac também diminuíram mais de 95% e os casos de infecção caíram 57%, informou o relatório divulgado na quinta-feira pelo Ministério de Saúde Pública do país latino.

O levantamento analisou mais de 700 mil pessoas entre 1º de março a 25 de maio depois de terem recebido a dose final da vacina. Até terça-feira passada, 28% da população uruguaia tinha sido completamente vacinada, segundo o relatório.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.