Consórcio chinês assina contrato para construção de ponte entre Salvador e a Ilha de Itaparica

Ponte terá mais de 12 quilômetros de extensão e custará R$7,2 bilhões

O governo do estado brasileiro da Bahia e um consórcio chinês assinaram contrato para a construção de uma ponte entre a cidade de Salvador e a Ilha de Itaparica. Será a maior ponte sobre lâmina d’água da América Latina.

A obra, que terá 12,4 quilômetros de extensão, é considerada fundamental para o desenvolvimento da Bahia ao reduzir em cerca de uma hora a viagem de carro entre Salvador e o sul do estado, uma vez que evitará que os veículos tenham que contornar a Baía de Todos os Santos.

Os custos da ponte Salvador-Itaparica são estimados em 7,2 bilhões de reais, dos quais 1,5 bilhão de reais serão do governo baiano e o restante do consórcio chinês, que terá a concessão por 35 anos.

O consórcio chinês é formado pelas empresas China Communications Construction Company (CCCC Ltd), CCCC South America Regional Company (CCCCSA) e China Railway 20 Bureau Group Corporation (CR20).

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.