Conjunto de tumbas de 2.200 anos é descoberto na China

Arqueólogos da Província de Xianxim encontraram 27 sepulturas, além de objetos de ouro e peças de jade

Arqueólogos da Província de Xianxim, na China, descobriram um conjunto de tumbas com pelo menos 2.200 anos. Um total de 27 sepulturas foi achado no distrito de Baqiao.

“Cerca de 500 objetos foram desenterrados, além de mais de duas mil peças de jade que foram usadas para formar roupas”, anunciou Zhu Lianhua, chefe do projeto de escavação.

Entre as peças encontradas estão cavalos de bronze, cerâmicas, esculturas em terracota, sinos e acessórios feitos de osso e ouro.

“O tamanho das tumbas e os objetos desenterrados indicam que a classificação do proprietário da tumba não era menor que a de um marquês”, disse Zhu.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.