Como escavadeiras testemunham desenvolvimento da cooperação China-Brasil

XCMG Brazil Manufacturing fabrica cerca de 7 mil unidades anualmente

Créditos: Xinhua/Fang Zhe

Há dez anos, quando a Amanda Cássia Machado Xavier decidiu aceitar uma oferta da XCMG Brazil Manufacturing, ela se tornou a primeira funcionária local da empresa chinesa no Brasil.

Amanda é da cidade de Pouso Alegre, em Minas Gerais, onde a gigante chinesa de máquinas XCMG montou sua primeira base de fabricação no exterior, ou XCMG Brasil, para produzir equipamentos de construção, incluindo escavadeiras, guindastes e motoniveladoras.

De recepcionista e vendedora a diretora de contas, Amanda agora tem uma palavra a dizer como a XCMG Brasil se desenvolveu localmente e quais mudanças a empresa chinesa trouxe.

A XCMG Brasil pode fabricar anualmente cerca de 7 mil unidades de produtos e possui o maior parque industrial de máquinas de construção da China no Brasil. Muitas empresas brasileiras reduziram seu quadro de funcionários devido à pandemia da COVID-19, mas a fabricante chinesa ampliou o recrutamento de funcionários locais, dobrando o número de funcionários para mais de 800.

Também garantiu o operação normal das fábricas para atender a demanda do mercado local durante a pandemia. Isso mostra a força e a cadeia industrial completa da indústria manufatureira da China, acrescentou Amanda.

Como um dos cinco países do BRICS, o Brasil possui um mercado próspero para máquinas de construção, e tais equipamentos da XCMG têm sido amplamente aceitos no mercado. No primeiro trimestre de 2022, a receita de vendas da XCMG Brasil aumentou 490% ano a ano.

Em abril deste ano, a XCMG exibiu vários produtos emblemáticos, incluindo escavadeiras hidráulicas avançadas na 27ª Agrishow no Brasil e fechou um grande acordo de fornecimento de novos equipamentos de energia com uma empresa local de vendas e aluguel de equipamentos de mineração.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.