Comissão Nacional de Saúde admite possibilidade de nova onda de contágios na China

País registra mais de 700 casos importados

O porta-voz da Comissão Nacional de Saúde da China, Mi Feng, anunciou nesta semana que, por causa do aumento contínuo de casos importados, uma nova onda de infecções por COVID-19 é possível no país.

Neste domingo, a parte continental da China registrou 30 novos casos importados do novo coronavírus, elevando o total dessas confirmações para 723.

“A China intensificará ainda mais os esforços para prevenir casos locais esporádicos e casos importados, através de detecção oportuna, tratamento imediato e controle e prevenção precisos”, disse o porta-voz.

Mi acrescentou que a transmissão local do COVID-19 foi basicamente bloqueada e que o número de casos existentes caiu abaixo de 3.000.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.