Clima extremo afeta mais de 110 mil pessoas na China central

Ventos derrubaram casas, quebraram árvores e interromperam fornecimento de energia

Mais de 110 mil pessoas foram afetadas pelo mau tempo na cidade de Yueyang, província de Hunan, centro da China, disseram as autoridades locais na segunda-feira.

Velocidades do vento de até 36,9 metros por hora atingiram Yueyang desde sábado. Os ventos derrubaram casas, quebraram árvores e interromperam o fornecimento de energia em partes da cidade.

Mais de 3,8 mil pessoas foram evacuadas. 78 prédios desabaram, enquanto 202 sofreram sérios danos, disseram as autoridades locais. Meteorologistas locais previram novas ondas de chuvas fortes e alertaram para desastres geológicos, como enchentes, inundações e deslizamentos de terra.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.