Cientistas desenvolvem trajetória para voo sem colisões de enxames de drones

Pesquisadores foram inspirados por coordenação de pássaros

Créditos: Reprodução/Xinhua

Cientistas chineses desenvolveram um novo sistema de planejamento de rotas de voo que pode ajudar os enxames de drones em miniatura, totalmente autônomos, a voarem de forma inteligente por florestas densas, sem colisões.

O sistema de planejamento permitiu que 10 robôs aéreos manobrassem coletivamente sem obstáculos através de uma floresta de bambu  e encontrassem uma rota de voo mais eficiente, de acordo com o estudo publicado na revista Science Robotics.

Inspirados em como bandos de pássaros podem coordenar com flexibilidade suas trajetórias de voo coletivo, os pesquisadores da Universidade de Zhejiang projetaram um método de planejamento de trajetória que processa dados de sensores a bordo e incorpora prevenção de colisões, eficiência de voo e coordenação de enxames para otimizar o voo coletivo em poucos milissegundos.

“Em nosso sistema, cada robô é equipado com uma câmera estéreo, sensor de atitude e computador embutido que usa dados de imagem e atitude para localização”, explicou o primeiro autor do artigo, Zhou Xin, da Universidade de Zhejiang.

“O módulo de planejamento de trajetória planejará imediatamente uma rota que não atingirá obstáculos nem outros robôs nos próximos segundos e o controlador então comanda as hélices para seguir esta trajetória segura”, acrescentou Zhou.

Segundo os pesquisadores, o novo sistema deve ajudar socorristas em operações de busca e resgate em florestas, pesquisadores de animais e plantas e até pessoas comuns que podem receber pacotes entregues por robôs aéreos em suas varandas nos próximos anos.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.