Cidade chinesa anuncia lockdown após três casos confirmados de COVID-19

Todos os 210 mil habitantes devem permanecer em casa, e apenas mercados e farmácias têm permissão de funcionamento

A prefeitura da cidade chinesa de Ruili, localizada na fronteira com Mianmar, anunciou lockdown após a confirmação de três casos de COVID-19.

Todos os 210 mil habitantes foram orientados a permanecer em suas casas e serão submetidos a testes. Apenas supermercados, depósitos de alimentos e farmácias têm permissão para funcionar.

De acordo com a prefeitura de Ruili, os pacientes com o novo coronavírus chegaram à cidade procedentes de Mianmar. As autoridades locais estipularam uma punição severa para quem atravessar ilegalmente a fronteira.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.