China terá punições mais severas para quem violar a segurança de alimentos

A regulamentação revisada da Lei de Segurança dos Alimentos entrou em vigor no último domingo e tem como foco aumentar as punições dos infratores

Entrou em vigor no último domingo (1º) uma regulamentação revisada sobre a implementação da Lei de Segurança dos Alimentos. Com ênfase em punições mais severas contra os infratores, essa regulamentação criou um sistema para responsabilizar os representantes legais e responsáveis das empresas, impondo uma multa equivalente a dez vezes os seus rendimentos anuais. 

Além disso, a regulamentação exige inspeções aleatórias de departamentos superiores e outras medidas de supervisão. O departamento competente do Conselho de Estado irá elaborar itens complementares e métodos de análise para os produtos alimentícios não abrangidos pelas normas atuais de segurança dos alimentos. O sistema de recompensa por denúncias foi otimizado, trazendo recompensas maiores aos denunciantes.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.