China terá mais de 550 mil estações-base 5G ainda este ano

Cerca de 156 mil estações foram construídas até o início de fevereiro

Até o final de 2020, a China contará com mais de 550 mil estações-base 5G. Em artigo publicado nesta quarta-feira, o vice-diretor da Academia Chinesa de Tecnologia da Informação e Comunicação (CAICT, em inglês), Wang Zhiqin, afirmou que a construção da rede 5G impulsionará investimentos que devem ultrapassar 3,5 trilhões de yuans.

Até o início de fevereiro, cerca de 156 mil estações-base 5G foram construídas pelas três principais operadoras de telecomunicações da China. Wang acredita que as cidades de nível sub-regional obterão uma conexão externa contínua da rede 5G ainda este ano.

“A telemedicina e os robôs inteligentes que utilizam a rede 5G passaram da fase de testes para a prática na linha de frente da batalha contra o novo coronavírus, enquanto as soluções de consultórios remotos e ensino online também contribuíram para os esforços de quarentena”, disse Wang.

Com uma base industrial sólida e produtos comerciais consolidados, a CAICT espera que a indústria 5G da China crie diretamente mais de 3 milhões de empregos a partir de 2025, com o consumo agregado de informações trazido pela comercialização do 5G ultrapassando 8,3 trilhões de yuans.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.