China tem mais de um milhão de farmacêuticos licenciados

A Administração Nacional de Produtos Médicos, responsável por gerir empresas e profissionais ligados a esse setor, é quem concede tais licenças no país

O número total de farmacêuticos licenciados na China superou os 1,03 milhão no final de novembro, pelo que a Administração Nacional de Produtos Médicos do país asiático informou. Desse total, mais de 460 mil licenças foram registradas como farmácias de varejo.

Desde 1994, quando se estabeleceu um sistema de licenças para a atividade farmacêutica na China, o país começou a criar instituições de gestão, organizações e equipes de profissionais ligadas a esse setor, pelo que disse Yang Wei, funcionário da entidade.

Até o final de 2020, a China deverá ter mais de 4 farmacêuticos licenciados para cada 10 mil cidadãos.  Além disso, a operação de todas as farmácias de varejo no país deve ser responsável por esses profissionais certificados, segundo o XIII Plano Quinquenal.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.