China revela 15 áreas para a preservação do patrimônio revolucionário

As áreas que serão protegidas abrangem 20 províncias, 11 cidades e 645 distritos ao redor do país

A China divulgou a primeira lista das 15 áreas para a proteção e utilização das relíquias culturais da época revolucionária do país em um anúncio feito em conjunto por diversos departamentos do Comitê Central do Partido Comunista da China (PCCh) e do Conselho de Estado do país.

As áreas, que abrangem 645 distritos e 110 cidades em 20 províncias do país, incluem lugares que são historicamente famosos, como é o caso das Montanhas Jinggang, na província de Jiangxi, que são conhecidas como o “berço da revolução chinesa”. O movimento para a preservação dessas áreas foi iniciado no ano passado, após a divulgação de uma diretriz que tinha como objetivo reforçar o patrimônio cultural revolucionário do país.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.