China reforça não ter interesse em assuntos internos dos EUA

Ministérios das Relações Exteriores nega interferências nas eleições presidenciais norte-americanas

O Ministério das Relações Exteriores da China solicitou aos Estados Unidos que parem de difamar e envolver o país asiático em seus assuntos internos. “A China não tem interesse e nunca interferiu nas eleições presidenciais dos EUA”, afirmou Zhao Lijian, porta-voz da pasta.

O posicionamento ocorre em resposta à declaração de um alto funcionário da inteligência dos EUA, que alegou que a China está intensificando os esforços para influenciar as eleições presidenciais de 2020.

“Estamos comprometidos em desenvolver uma relação China-EUA caracterizada pelo não conflito, não confronto, respeito mútuo e cooperação de benefício mútuo, e salvaguardar firmemente nossa soberania, segurança e interesses de desenvolvimento”, reiterou Zhao.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.