China quase dobra importações de soja brasileira em outubro

Segundo a Administração Geral das Alfândegas, país asiático importou 6,53 milhões de ton de soja do Brasil

As importações chinesas de soja brasileira durante o mês de outubro deste ano quase dobraram em relação ao mesmo período no ano anterior, indo de 3,38 milhões de ton em 2017 para 6,53 milhões de ton em 2018. As informações foram divulgadas pela Administração Geral das Alfândegas.

Acredita-se que o motivo que resultou nesse crescimento é a preocupação com a escassez do grão devido às tensões comerciais com os EUA. Nos últimos meses, a China fez grandes compras da soja brasileira, criando grandes estoques tanto do grão quanto de seu farelo, o que aliviou um pouco o receio do país com a falta de ração para seu rebanho suíno, que é o maior do mundo. No início de outubro, os estoques contavam com 9 milhões de ton do produto.

A alfandega ainda revelou que em outubro a China importou 127,6 mil ton do Uruguai; 92,8 mil ton da Rússia; 66,9 mil ton dos Estados Unidos e 33,2 mil ton da Argentina.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.