China pretende lançar políticas a favor de veículos de nova energia

Autoridades estariam considerando um novo regulamento que deve aumentar a competitividade desses veículos no país

A China está trabalhando para lançar um pacote de políticas que deverá aumentar a competitividade do seu setor de veículos de nova energia (NEV’s, em inglês), de acordo com o jornal Economic Information Daily. Fontes da Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma (CNDR) afirmaram que as autoridades estão considerando um novo regulamento para investimentos na indústria automobilística.

Se aprovado, o regulamento exigirá dos novos fabricantes de veículos elétricos uma capacidade de produção anual mínima de 100 mil unidades, além da capacidade de desenvolvimento sustentável. Haverá também restrições mais rigorosas a respeito dos carros à diesel e gasolina, incluindo a suspensão de novos projetos e limites de expansão. Segundo Cai Ronghua, funcionário da CNDR, mais trabalhos serão feitos para que o desenvolvimento de NEVs inteligentes fique mais fácil.

Nos três últimos anos a China foi o maior mercado de NEV do mundo, tendo vendido 777 mil carros em 2017. De janeiro a julho de 2018, a produção de NEV da China aumentou 85% (504 mil automóveis foram feitos), enquanto as vendas tiveram crescimento de 97,1%, de acordo com os dados da Associação de Fabricantes de Automóveis da China.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.