China pode aderir ao acordo econômico transpacífico CPTPP

Segundo o Ministério do Comércio, o país está disposto a fortalecer a comunicação e intercâmbios técnicos com os membros do tratado

A China está estudando associar-se ao Acordo Abrangente e Progressivo para Parceria Transpacífica (CPTPP, em inglês), para promover a globalização econômica e a integração econômica regional, anunciou o Ministério do Comércio na última semana.

Em entrevista coletiva, o porta-voz da pasta, Gao Feng, disse que o país está conduzindo pesquisas sobre a entrada no CPTPP. Ele acrescentou que a China está disposta a fortalecer a comunicação e intercâmbios técnicos com todos os membros do tratado sobre temas relevantes.

No ano passado, o país mostrou-se aberto em relação à participação no acordo, depois da assinatura da Parceria Econômica Abrangente Regional.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.