China planeja lançar doze satélites para rede de Internet das Coisas em 2021

Projeto deve solucionar falhas de comunicação originadas por coberturas insuficientes

A China Aerospace Science and Industry Corporation anunciou que o país asiático tem planos de lançar doze satélites com base no espaço para a rede de Internet das Coisas (IoT) no próximo ano.

Trata-se da segunda etapa de um projeto com três estágios, que tem previsão de ser concluído em 2023.

A tecnologia IoT baseada no espaço terá ampla cobertura e permitirá uma conexão facilitada em todos os climas e múltiplos campos. De acordo com os engenheiros, o projeto nomeado Xingyun deverá solucionar as falhas de comunicação das empresas de IoT originadas da cobertura insuficiente das redes de comunicação celular sem fio.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.