China planeja habilitar novos frigoríficos do Brasil para importação de carnes

Pandemia dificultou processos de avais, com acesso limitado a unidades industriais para visitas técnicas

A China planeja realizar novos processos de habilitação de frigoríficos brasileiros para a venda de carnes. A pandemia dificultou o acesso a unidades industriais para visitas técnicas, e a última rodada de avais aconteceu no segundo semestre de 2019.

“Se espera para o segundo semestre de 2020 novas habilitações para o Brasil e para a Argentina”, anunciou Miguel Gularte, presidente da operação sul-americana da Marfrig, uma das maiores companhias de alimentos à base de proteína animal do mundo.

Em um evento realizado nesta terça-feira, Gularte também comentou a importância da China como maior importadora de carnes do Brasil.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.