China melhorará benefícios de previdência social

Fundo de pensão complementar deverá chegar a US$ 619 bilhões até 2025

A China anunciou que planeja estabelecer um regime unificado de pensão básica para funcionários de empresas, aumentando o fundo de pensão complementar para mais de 4 trilhões de yuans (US$ 619 bilhões).

O plano deverá ser realizado em cinco anos. O seguro básico de cuidado ao idoso cobrirá 95% do povo chinês

Serão feitos esforços para aumentar de forma gradual a idade da aposentadoria e aumentar a cobertura do seguro-desemprego e do seguro contra acidentes de trabalho para 230 milhões e 280 milhões, respectivamente, disse o relatório.

De 2021 a 2025, a China pretende criar mais de 50 milhões de novos empregos urbanos, manter a taxa de desemprego urbana em 5,5% e subsidiar programas de treinamento profissional com 75 milhões de atendimentos.

O país também acelerará a formação de técnicos e trabalhadores qualificados, melhorará o sistema de distribuição de renda, criará relações de trabalho harmoniosas e estáveis e melhorará o serviço público de recursos humanos e de previdência social, disse o documento.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.