China melhora qualidade do ar e da água em 2020

As emissões de dióxido de carbono foram reduzidas no ano passado

A China registrou uma melhora na qualidade do ar e da água e diminuição das emissões de dióxido de carbono em 2020, segundo um relatório do Ministério de Ecologia e Meio Ambiente. 

No ano passado, a porcentagem de dias com boa qualidade do ar foi de 87% em 337 cidades de nível sub-regional e acima, o que representa um aumento de 5% em relação a 2019.

A concentração média de partículas de PM2,5 no ar foi de 33 µg por metro cúbico, uma redução anual de 8,3%. Ao mesmo tempo, a concentração de partículas de PM10 caiu 11,1%, ficando em 56 µg por metro cúbico.

Dados coletados em 1.940 seções de monitoramento de água indicaram uma melhora na qualidade, com a proporção de água superficial com característica bastante boa (Grau III ou superior em um sistema de cinco níveis). O crescimento anual foi de 8,5%, chegando a 83,4%.

No mesmo período, a proporção de água superficial abaixo do Grau V, o nível mais baixo, foi de 0,6%. Em relação a 2019, o número do ano passado caiu 2,8%.

Em 2020, as emissões de dióxido de carbono da China por unidade do Produto Interno Bruto (PIB) diminuíram 1% em termos anuais. O país também cumpriu a meta de reduzir as emissões por unidade do PIB em 18% durante o período de 2016 a 2020, pois o número caiu 18,8% em relação ao de 2015.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.