China limita salários de jogadores de futebol estrangeiros

Remuneração anual não poderá passar de 3 milhões de euros

A Federação Chinesa de Futebol (CFA) anunciou nesta terça-feira que vai limitar o salário dos esportistas estrangeiros em 3 milhões de euros, sem contar o desconto dos impostos.

“Esta política visa conter as bolhas de investimento nos nossos campeonatos e promover o desenvolvimento saudável e sustentável do futebol profissional”, comunicou a CFA em documento publicado no site.

A regra passa a valer a partir de 1º de janeiro de 2021 para todos os futebolistas estrangeiros, incluindo aqueles que já estão atuando na China. No entanto, os jogadores com salários que ultrapassam o limite podem conversar com seus clubes “para acordar uma forma de pagamento da diferença”.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.