China lança plataforma que transcreve voz em texto para deficientes auditivos

Aplicativo que usa inteligência artificial pode ser usado para discursos em tradução simultânea

Uma plataforma que usa inteligência artificial foi lançada na China, oferecendo serviços de transcrição de voz para texto para que pessoas com deficiência auditiva possam ler discursos proferidos durante videoconferências, eventos ao vivo e cursos online.

A plataforma fornece legendas em tempo real através do aplicativo de comunicação DingTalk. A ferramenta, agora disponível em mais de 80 cidades chinesas, foi lançada pela Associação Chinesa de Surdos e Deficientes Auditivos.

Os serviços de reconhecimento e tradução bilíngue chinês-inglês serão desenvolvidos ainda mais na plataforma, com textos traduzidos exibidos em telas móveis ou de computador, disse Xiao Xue, gerente do DingTalk.

As estatísticas mostram que a China tem mais de 20 milhões de residentes com deficiência auditiva, o que equivale aproximadamente à população da Austrália.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.