China lança novos satélites de sensoriamento remoto

Lançamento foi realizado na Província de Sichuan, sudoeste da China

A China lançou com sucesso um novo grupo de satélites de sensoriamento remoto do Centro de Lançamento de Satélites de Xichang, na Província de Sichuan, sudoeste da China, na manhã de segunda-feira, no horário de Pequim.

Os satélites foram enviados à órbita por um foguete transportador Longa Marcha-2C. Este é o 10º grupo pertencente à família Yaogan-30, que pesquisará o ambiente eletromagnético e verificará as tecnologias relevantes adotando o modo da rede de multissatélites.

Também a bordo estava o Tianqi-15, um satélite pertencente à constelação Tianqi, que servirá à coleta de dados da Internet das Coisas.

O foguete transportador Longa Marcha-2C, desenvolvido pela Academia Chinesa de Tecnologias de Veículos de Lançamento, tem um comprimento de 43 metros e massa de decolagem de 242 toneladas.

O foguete é capaz de enviar duas toneladas de cargas úteis para a órbita a uma altitude de 500 quilômetros. O lançamento de foi a 380ª missão da série de foguetes Longa Marcha, que também marcou a conclusão do lançamento da família Yaogan-30.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.