China lança novo satélite óptico de sensoriamento remoto

O Jilin-1 Gaofen 02B deverá fornecer dados e serviços de sensoriamento remoto para agricultura, silvicultura, recursos e meio ambiente

Um novo satélite óptico de sensoriamento remoto foi enviado ao espaço, partindo do Centro de Lançamento de Satélites de Taiyuan, na província chinesa de Shanxi no último final de semana. Chamado de Jilin-1 Gaofen 02B, o satélite pertencente da família Jilin-1 foi lançado pelo foguete Kuaizhou-1A (KZ-1A) e entrou na órbita planejada com sucesso.

Desenvolvido de forma independente pela Chang Guang Satellite Technology Co., Ltd., o satélite apresenta alta resolução, largura e transmissão de dados em alta velocidade. Ele formará uma rede com os 14 outros satélites Jilin-1 já lançados, fornecendo dados e serviços de sensoriamento remoto para agricultura, silvicultura, recursos e meio ambiente.

O KZ-1A é um foguete transportador de combustível sólido de baixo custo, com alta confiabilidade e um curto período de preparação. Desenvolvido por uma empresa da Companhia de Ciência e Indústria Aeroespacial da China, o foguete é usado principalmente para lançar microssatélites de baixa órbita.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.