China lança dois satélites para projeto de Internet das Coisas

Satélites serão utilizados para testes de tecnologia no espaço

Com o objetivo de testar a tecnologia de comunicação de Internet das Coisas, a China enviou nesta terça-feira dois satélites em órbita.

Nomeados Xingyun-2 01 e 02, os satélites foram lançados por um foguete transportador Kuaizhou-1A (KZ-1A) do Centro de Lançamento de Satélites de Jiuquan, no noroeste da China. Eles entraram com sucesso em sua órbita planejada.

Desenvolvidos pela Xingyun Satellite Co., eles realizarão testes de tecnologias, incluindo comunicações Internet das Coisas baseadas no espaço, comunicações a laser intersatélite e uma plataforma de satélite comercial de baixo custo.

O KZ-1A é um foguete transportador de combustível sólido e com baixo custo, com alta precisão de órbita e um curto período de preparação. O foguete é usado principalmente para lançar pequenos satélites de baixa órbita. O lançamento de terça-feira foi a nona missão do KZ-1A.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.