China já tem 8,62 milhões de autores online

Segundo pesquisa, as obras originais online representaram 79,8% do material de leitura digital em 2018

Até 2018, a China computou um total de 8,62 milhões de autores online, um aumento considerável em comparação aos 4,8 milhões de 2015, pelo que foi divulgado numa conferência nacional de leitura digital.

Entre os materiais de leitura digital, as obras originais online responderam por 79,8% do total do ano passado (em 2015 esse número foi de 69%). Apesar disso, Liu Shu, vice-presidente da Amazon China, afirmou que os leitores de livros digitais ainda gostam de obras clássicas.

A Associação Chinesa de Publicação Digital e Áudio-Vídeo divulgou um relatório na conferência que mostra que o valor do mercado de leitura digital na China atingiu 25,4 bilhões de yuans em 2018, com uma alta de 19,6% em relação ao ano anterior.

Aproximadamente 432 milhões de chineses leram publicações digitais em dispositivos eletrônicos ao longo do ano, o que significa que, em média, cada pessoa leu 12,4 publicações digitais e gastou 71,3 minutos por leitura. Mais de 66% dos entrevistados ainda se mostraram dispostos a pagar por publicações digitais. Em 2016 esse número era de 60,3%.

Essa conferência é realizada anualmente desde 2015, na cidade de Hangzhou, na província de Zhejiang, antecedendo o Dia Internacional do Livro, que cai em 23 de abril.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.