China intensifica resposta à Covid-19 nas escolas

Alunos e professores passarão por medições de temperatura e testes de ácido nucleico regularmente

Créditos: Xinhua/Xiao Yijiu

Os departamentos de saúde e educação chineses atualizaram as medidas de prevenção e controle da Covid-19 nas escolas para lidar com o surto mais recente.

Universidades, jardins de infância e escolas de ensino fundamental e médio são obrigados a reforçar o monitoramento diário da saúde dos alunos e do corpo docente. Eles devem coletar relatórios de temperatura corporal e acompanhar aqueles em licença médica, disse a mais recente diretriz divulgada pela Comissão Nacional de Saúde e pelo Ministério da Educação, na terça-feira.

Eles também devem administrar regularmente testes de ácido nucleico para alunos, professores e funcionários.

As escolas devem ter planos de resposta de emergência para casos positivos, para que os pacientes possam ser enviados rapidamente, os grupos de risco identificados e colocados em quarentena e os locais desinfetados.

Os alunos com mais de três anos são incentivados a tomar as vacinas Covid-19 e os maiores de 18 anos devem receber reforços.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.