China intensifica medidas de prevenção de Covid-19 para voos seguros

Autoridades criaram novas regras para funcionários e passageiros

Créditos: Xinhua/Ji Chunpeng

A China adotou medidas mais rigorosas para garantir viagens de avião seguras, ao mesmo tempo em que impede a propagação da Covid-19, anunciou a Administração Estatal de Aviação Civil da China (CAAC) na segunda-feira.

A CAAC identificou dois grupos de funcionários do aeroporto, um como de alto risco e outro sob estreito monitoramento, com base em seus níveis de risco de disseminação da Covid-19. Eles são obrigados a fazer testes de ácido nucleico diariamente, e o restante da equipe em dias alternados, revelou Kong Fanwei, funcionário da CAAC, em uma entrevista coletiva.

A entidade também garantirá que os passageiros sejam mantidos separados a distâncias seguras e evite aglomerações no aeroporto e nos aviões, disse Kong. A instituição também fortalecerá o gerenciamento de circuito fechado para separar as operações de voos domésticos das internacionais e melhorar os mecanismos de teste nos aeroportos.

O país suspendeu 768 voos internacionais até agora este ano para conter a transmissão do vírus, disse Kong.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.