China fornecerá assistência humanitária emergencial à Palestina

Governo afirmou que prestará ajuda no tratamento de feridos e reassentamento de desalojados

A China fornecerá assistência humanitária de emergência ao governo palestino o mais breve possível, anunciou a Agência para a Cooperação de Desenvolvimento Internacional da China (CIDCA, em inglês), na sexta-feira.

O porta-voz da CIDCA, Tian Lin, disse que, para ajudar o governo palestino e as pessoas a lidarem com a crise humanitária e demonstrar o espírito humanitário internacional, o governo chinês lançou um mecanismo de resposta de assistência humanitária.

O governo fornecerá assistência de acordo com as necessidades urgentes da e ajudará o país a realizar o tratamento dos feridos e o reassentamento dos desalojados, disse Tian.

 

 

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.