China fornece a maioria dos concentradores de oxigênio para a Índia

Empresas chinesas têm acelerado produção de pelo menos 40 mil geradoras agora

A China forneceu a maioria dos concentradores de oxigênio para a Índia e mantém a produção de concentradores do gás e outros equipamentos médicos para o país, disse o embaixador da China na Índia, Sun Weidong, no Twitter na terça-feira.

As empresas chinesas têm acelerado a produção de pelo menos 40 mil geradores de oxigênio para a Índia e estão trabalhando em ritmo acelerado para entregar o mais rápido possível, disse Weidong.

“As empresas chinesas levam adiante o espírito humanitário, focam em salvar vidas e respondem aos desejos e necessidades do povo indiano”, disse Sun em outro tweet. “Isso demonstra sua responsabilidade social e boa vontade para ajudar a Índia a lutar contra o Covid-19”, acrescentou.

Desde abril deste ano, a China forneceu mais de 5 mil respiradores, 21.569 concentradores de oxigênio, mais de 21,48 milhões de máscaras e cerca de 3,8 mil toneladas de medicamentos para a Índia, de acordo com estatísticas da Administração Geral das Alfândegas da China.

Muitas empresas chinesas e organizações privadas também estão usando seus próprios canais para fornecer ajuda à Índia. O número de casos de Covid-19 no país já ultrapassou a marca de 20 milhões, segundo confirmação do Ministério da Saúde federal.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.