China favorece balança comercial positiva do agronegócio brasileiro em maio

Exportações de soja, açúcar e café dispararam no mês passado

A balança comercial do agronegócio brasileiro registrou mais um mês positivo. A valorização do dólar frente ao real somado às firmes compras da China fez com que as exportações de soja, açúcar e café disparassem em maio, se comparadas ao mesmo período do ano passado.

Segundo a Secretaria de Comércio Exterior, os embarques de soja do Brasil atingiram 15,5 milhões de toneladas, versus 10 milhões em maio de 2019.

A soja comprada pelos chineses tem sido processada e utilizada na alimentação de suínos. Além disso, o recente surto de peste suína africana contribuiu para aumentar as importações de carnes da China e as vendas externas de proteína animal do Brasil.

A exportação da oleaginosa brasileira no mês passado configurou-se como o segundo maior volume mensal da história, com 49,1 milhões de toneladas. O valor representa uma alta de 40% no ano.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.