China exporta 20 mil balões meteorológicos para a África

Equipamentos possibilitarão monitoramento mais preciso em 16 países

Um total de 20 mil balões meteorológicos produzidos por uma empresa chinesa foram distribuídos a 16 países africanos para observação de alta altitude.

A altitude operacional do produto é 20% maior do que a dos balões usados atualmente pelas nações, incluindo Benin e Maurício, de acordo com a fabricante, Zhuzhou Rubber Research & Design Institute da ChemChina.

Altitude mais alta significa que o monitoramento por balões pode adquirir dados mais precisos sobre velocidade do vento, temperatura e umidade para ajudar os países a melhorar suas capacidades de prevenção e enfrentamento de desastres meteorológicos, disse a empresa.

Seus balões são usados para 75% das observações meteorológicas de alta altitude da China. O produto também foi reconhecido pelo departamento de compras da Organização Meteorológica Mundial, bem como instituições de pesquisa meteorológica, universidades e departamentos governamentais estrangeiros.

A empresa exporta mais de 130 mil balões por ano para mais de 40 países e regiões, incluindo Malásia, Indonésia, Mongólia, Índia e Turquia.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.