China enfrenta crescente risco de casos importados da COVID-19

Na última semana, nenhuma nova confirmação foi resultante de transmissão doméstica

Na semana passada, mais de 84% dos casos confirmados da doença do novo coronavírus na parte continental da China foram provenientes do exterior, segundo as autoridades de saúde.

“A rápida disseminação da doença em todo o mundo traz crescentes riscos de casos importados para a China”, disse Mi Feng, porta-voz da Comissão Nacional da Saúde, em uma entrevista coletiva realizada na última quinta-feira.

A comissão informou que não foram relatados novos casos de transmissão doméstica da COVID-19 na parte continental da China na quarta-feira. Os 34 novos casos confirmados foram importados do exterior. Até o fim do mesmo dia, 189 casos importados foram relatados, segundo a entidade.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.