China e Mongólia prometem reforçar cooperação

Países enfrentam missão de lidar com pandemia, desenvolver suas economias e garantir a subsistência de seus povos

O primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, se reuniu com o primeiro-ministro da Mongólia, Luvsannamsrai Oyun-Erdene, por videoconferência na terça-feira. Observando que os países são vizinhos próximos com relações sólidas, Li disse que ambos enfrentam a missão de lidar com a pandemia da Covid-19, desenvolver suas economias e garantir a subsistência de seus povos.

O fortalecimento da cooperação beneficia não só a China e a Mongólia, mas também a região, acrescentou. Li disse que a China está pronta para intensificar a cooperação com a Mongólia, visando fortalecer a sinergia das estratégias de desenvolvimento, explorar a cooperação em áreas-chave, expandir o comércio bilateral, e facilitar o desembaraço portuário, além de aumentar a movimentação dos portos sob a premissa de prevenção e controle pandêmicos eficazes.

A China espera que os dois países implementem ainda mais a cooperação na prevenção e contenção da desertificação para construir conjuntamente um ambiente limpo e bonito, disse o primeiro-ministro.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.