China diz estar pronta para contribuir para a luta global contra COVID-19

País fornecerá medicamentos, reagentes de teste e suprimentos médicos à comunidade internacional

Autoridades chinesas anunciaram nesta semana que o país está disposto a contribuir com o combate mundial contra o novo coronavírus. Em uma coletiva de imprensa, o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores, Geng Shuang, indicou que a China aumentará a cooperação com a comunidade internacional em ciências e tecnologia.

“Gostaríamos de colaborar com outros países em medicamentos, vacinas e reagentes de teste, contribuindo com a sabedoria e propostas da China para garantir uma vitória global sobre o vírus o mais breve possível”, falou Geng.

O porta-voz explicou que graças aos esforços do povo chinês, a atual situação de prevenção e controle epidêmico mudou positivamente. “Enquanto isso, a epidemia eclodiu em muitos lugares do mundo e continua se espalhando, e alguns países estão sofrendo gravemente com ela”, lembrou.

Geng Shuang disse que a China intensificará a comunicação e a coordenação com a OMS e a comunidade internacional. O país enviou peritos médicos para o Irã e o Iraque, e está se preparando para enviar especialistas à Itália. Além disso, forneceu medicamentos e outros suprimentos médicos à comunidade internacional e doou US$20 milhões para a OMS.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.