China divulga contramedidas em resposta às restrições a mídias chinesas nos EUA

Quatro organizações norte-americanas terão prazo de uma semana para informar quadro de empregados, finanças, operações e imóveis que possuem no país asiático.

A China deu prazo de uma semana para quatro organizações de mídia dos Estados Unidos declararem por escrito informações como quadro de empregados, finanças, operações e imóveis que possuem no país asiático.

O anúncio foi feito pelo porta-voz do Ministério das Relações Exteriores, Zhao Lijian. “As medidas são inteiramente necessárias e contramedidas recíprocas em resposta à opressão irracional conduzida pelos EUA às filiais das organizações de mídia chinesas nos EUA”, informou.

No último dia 22 de junho, o governo norte-americano designou quatro organizações midiáticas chinesas como missões estrangeiras nos Estados Unidos.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.