China critica difamações e ataques injustificados feitos por Mike Pompeo

“Meu conselho para ele é que gaste algum tempo refletindo sobre gestão dos assuntos nacionais antes de apontar o dedo aos outros”, advertiu um porta-voz chinês

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Zhao Lijian, comentou nesta semana recentes falas do atual secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo.

Para Zhao, Pompeo esteve lançando ataques e difamando injustificadamente a China em toda as ocasiões possíveis. “Meu conselho para ele é que gaste algum tempo refletindo sobre gestão dos assuntos nacionais antes de apontar o dedo aos outros”, advertiu o porta-voz chinês.

Ao falar em uma videoconferência na Cúpula da Democracia em Copenhague e em algumas entrevista recentes, o político norte-americano atacou a China por diversos assuntos que incluem questões relacionadas a Xinjiang.

O governo da China enfatizou que os centros de educação e treinamento vocacionais estabelecidos legalmente em Xinjiang são um intento ativo e uma exploração útil de medidas preventivas de combate ao terrorismo e à radicalização.

“A repetição das mentiras do Sr. Pompeo simplesmente não pode mudar esses fatos”, explicou Zhao.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.