China cria comitê de especialistas sobre amostras lunares

Grupo deverá aproveitar e divulgar valor científico dos materiais de pesquisa

A China criou um comitê consultivo de especialistas para o gerenciamento de amostras lunares, informou a Administração Espacial Nacional da China (CNSA, na sigla em inglês) na terça-feira.

De acordo com os regulamentos da administração, o grupo terá o objetivo de aproveitar ao máximo o valor científico das amostras e padronizar sua gestão.

Para isso, os especialistas serão responsáveis por revisar os empréstimo dos materiais, fornecer conselhos e sugestões sobre questões relacionadas ao tema, avaliar os êxitos de pesquisas científicas e popularizar a ciência lunar.

A CNSA ainda ressaltou que o comitê deverá manter os princípios de equidade, imparcialidade e acessibilidade.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.