China condena assassinato de famoso cientista iraniano

Mohsen Fakhrizadeh foi morto na última semana no Irã

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China Hua Chunying revelou que o país condena o assassinato do renomado físico nuclear iraniano Mohsen Fakhrizadeh e que espera a investigação do caso. 

A China faz oposição a qualquer ação que agrave as tensões regionais, disse Hua. E acrescentou que a situação no local é complexa e que todas as partes devem trabalhar para amenizar os conflitos e manter a paz e a estabilidade.

Mohsen Fakhrizadeh foi morto na última semana perto da capital de Teerã por “terroristas armados”, de acordo com o Ministério de Defesa do Irã.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.