China colhe safra recorde em 2019

Segundo o DNE, este foi um ano de abundantes colheitas, tendo uma produção total de 663,84 milhões de ton

O Departamento Nacional de Estatísticas (DNE) anunciou que 2019 foi um ano de abundantes colheitas, com uma produção de grãos registrada que atingiu um novo recorde. Em um comunicado online, o DNE informou que, no total, a produção ficou em 663,84 milhões de ton, o que é 5,94 milhões de ton a mais que em 2018, ou seja, um crescimento de 0,9%.

Huang Bingxin, estatístico do DNE, disse que a China registrou um rendimento por unidade mais elevado, apesar de ter tudo uma leve queda na área de plantio. O departamento também apontou que a produção de grãos chegou a 5.715 kg/ha, o que representa um aumento anual de 1,8%.

“Ao garantir a capacidade de produção de grãos, a escala de plantio de colheitas de qualidade e eficientes, como sojas e cereais grosseiros, registrou uma expansão constante”, observou Huang, que ainda atribuiu a safra à otimização da estrutura de plantio do país, condições climáticas favoráveis e controle efetivo de desastres. Segundo ele, a colheita abundante de grãos é conducente para estabilizar ainda mais o mercado e a economia.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.