China atinge 639 milhões de compradores online no mês de junho

De acordo com relatório do Centro Chinês de Informação da Rede de Internet, cerca de 74,8% dos usuários da internet da China realizam compras online

O número de compradores online da China atingiu 639 milhões no mês de junho, um aumento de 28,71 milhões em relação a dezembro de 2018, de acordo com informações publicadas num relatório do Centro Chinês de Informação da Rede de Internet (CNNIC, na sigla em inglês). Cerca de 74,8% do total de usuários da Internet na China já fizeram compras online, número consideravelmente maior que os 63,1% registrados em junho de 2016.

Entre os compradores online, 622 milhões de pessoas realizavam as suas compras por meio dos seus aparelhos celulares, 29,89 milhões a mais frente ao número do final de 2018. Segundo o relatório, esse crescimento é gerado especialmente pelo aumento do consumo nas cidades menores e áreas rurais, pela expansão do comércio eletrônico internacional e pelos novos modelos de marketing.

No primeiro semestre de 2019, as importações dos negócios de varejo online chegaram a 45,65 bilhões de yuans (US$ 6,44 bilhões), um aumento de 24,3% em relação ao ano anterior, de acordo com o relatório, que cita a Administração Geral das Alfândegas.

O documento ainda mostra que as plataformas de compras online trabalharam ao lado das plataformas de streaming para promover seus produtos e atrair consumidores, estabeleceram cadeias diretas de suprimento com fabricantes e coordenaram os negócios online e offline.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.