China aprova novo medicamento contra câncer desenvolvido nacionalmente

Medicação será utilizada no tratamento de pacientes com alguns tipos de linfoma e leucemia

A Administração Nacional de Produtos Médicos da China informou na última semana que o país concedeu acesso ao mercado a um medicamento produzido no país contra o câncer.

Conhecido como Brukinsa, o remédio tem forma de cápsula e foi desenvolvido pela empresa de biotecnologia BeiGene. A medicação será utilizada no tratamento de pacientes adultos com linfoma de células do manto, leucemia linfocítica crônica ou pequeno linfoma linfocítico.

O medicamento foi aprovado por meio de um procedimento de revisão prioritária e seu titular da autorização de introdução no mercado deve continuar os ensaios clínicos confirmatórios, de acordo com a administração.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.