China aprova fusão de duas gigantes químicas estatais

Sinochem Group e ChemChina Group integrarão holding da Comissão de Administração e Supervisão de Ativos Estatais

A China aprovou a reestruturação conjunta da Sinochem Group e da ChemChina Group, de
acordo com um comunicado da (CASAE).

Com a fusão, as duas serão subsidiárias de uma nova holding detida pela CASAE. A
reorganização tem o objetivo de integrar melhor os recursos, construir uma empresa
química abrangente de classe mundial e promover o desenvolvimento da indústria química
chinesa.

Agora, a empresa unificada cobrirá áreas que incluem ciências da vida, ciências de
materiais, indústria química básica, pneus de borracha e operações urbanas.
A Sinochem é uma operadora integrada líder na indústria de petróleo e química, fornecendo
insumos e serviços agrícolas, e exerce forte influência no funcionamento da cidade e nos
setores de serviços financeiros.

Já a ChemChina é a maior empresa química da China. Ela possui bases de produção,
pesquisa e desenvolvimento em 150 países e regiões.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.